Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

O modelo de análise das cinco forças de Porter é uma forma de estudar o ambiente externo da empresa através de uma análise da concorrência e dos clientes. Servindo como base para o desenvolvimento de estratégias empresariais eficientes.

Esse método foi criado pelo professor e escritor Michael Porter no final de década de 70. Ele definiu que a lucratividade de uma empresa é determinada por cinco forças competitivas, que podem ser consideradas cinco ameaças.

Rivalidade entre concorrentes

rivalidade entre concorrentes porter - Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

Essa ameaça está relacionada a existência de um número elevado de concorrentes e no poder que eles possuem.

Podem ser concorrentes em grande número, concorrentes com um forte poder financeiro, e/ou concorrentes agressivos que se dispõem a diminuir o seu lucro para aumentar sua participação no mercado.

É um mercado que provavelmente não será atrativo financeiramente.

Para analisar essa ameaça é preciso estudar a concorrência direta e indireta.

Descobrir quais e quantos são, quais os seus pontos fortes e fracos, os seus diferenciais competitivos, etc.

Ameaça de novos concorrentes

ameaça novos concorrentes porter - Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

A atratividade de um mercado também é definida pela facilidade que novas empresas terão ao entrarem nele. Cada vez que um novo concorrente surge, a disputa pela participação de mercado cresce.

Como a oferta do produto ou serviço irá aumentar, o preço e a lucratividade tendem a diminuir. A não ser que esse mercado esteja crescendo pelo menos na mesma proporção que a concorrência.

Pode-se estudar essa ameaça analisando quais obstáculos novas empresas terão ao querer entrar nesse mercado, e qual a reação dos concorrentes já existentes. Dentre as barreiras pode-se destacar:

Poder de competição das empresas já estabelecidas: define-se como a possibilidade que as empresas já atuantes no ramo têm de diminuir o valor dos seus produtos, ou de tomar qualquer atitude que possa dificultar o desenvolvimento das empresas que estão iniciando.

Exigências de capital: está relacionado com o investimento e do poder financeiro que uma nova empresa terá que fazer e ter para competir nesse mercado.

Burocracia e leis: são as leis e exigências fiscais, exigência de projetos que podem dificultar a entrada de novas empresas no mercado, bem como o tempo necessário para cada uma delas ser aprovada.

Complexidade do serviço ou produto: quanto mais difícil de fazer esse produto ou serviço, maior é a barreira para a entrada de novos concorrentes. Essa dificuldade também pode estar relacionada ao conhecimento e certificados que este exige, a mão-de-obra qualificada, etc.

Produtos substitutos

produtos semelhantes porter - Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

As empresas de um setor podem ser concorrentes de empresas de outros setores, que fabricam produtos parecidos ou que tenham utilidades semelhantes. A existência de produtos substitutos é uma condição que limita as estratégias da empresa, em relação ao preço e a lucratividade.

A atratividade do negócio depende muito dos produtos que podem vir a substituir ou deslocar a demanda do setor, por isso é necessário sempre acompanhar os desenvolvimentos nos setores que fornecem produtos substitutos e nas tendências do mercado. A tendência é que empresas que criam produtos sem substitutos sejam altamente lucrativas.

Descubra quais produtos são substitutos do seu para entender o quanto essa ameaça influência no seu negócio. Por exemplo, os produtos substitutos da carne de frango podem ser a carne de peixe, de porco, etc.

Veja também com que facilidade o mercado opta pelo produto substituto e quais os fatores que levam ele a fazer isso.

Poder de barganha dos clientes

poder barganha clientes porter - Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

Esta ameaça está ligada a queda dos preços dos produtos e serviços, e a elevação dos custos, por causa das exigências dos clientes.

Para se defender dessa ameaça, uma das saídas é selecionar públicos menos exigentes, mercados inexplorados ou procurar fornecedores mais baratos.

Para conseguir dimensionar o poder de negociação dos seus clientes é preciso conhece-los.

Quem são eles? Quais as suas exigências? Qual a sua renda média? Quais os seus comportamentos? Porque eles compram esse produto, etc.

Poder de barganha dos fornecedores

poder barganha fornecedores porter - Como analisar as cinco forças de Porter no seu negócio?

Há mercados em que os fornecedores podem aumentar os preços e/ou reduzir a quantidade de oferta, geralmente porque ele não tem concorrentes próximos ou à sua altura.

Também quando o produto que ele fornece é muito escasso e/ou não pode ser substituído por outro.

Para saber o quanto essa ameaça influência no seu negócio, analise quais e quantos fornecedores possuem as matérias-primas que você precisa. Quais são os seus preços, a sua qualidade.

Veja ainda se você pode ou não substituir essa matéria-prima por outra.

Recapitulando..

As cinco forças de Porter são cinco ameaças que as empresas possuem em relação ao mercado que atuam ou desejam atuar e que afetam diretamente a sua lucratividade. A análise dessas cinco forças permite desenvolver estratégias empresariais mais eficientes e um planejamento mais certeiro.

As cinco forças são:

  • Rivalidade entre concorrentes: quantidade de concorrentes, o poder deles e as suas atitudes.
  • Ameaça de novos concorrentes: facilidades ou barreiras que novas empresas tem para entrar no mercado.
  • Produtos substitutos: produtos diferentes que podem substituir o seu produto.
  • Poder de barganha dos clientes: poder que os clientes possuem de influenciar no preço do produto.
  • Poder de barganha dos fornecedores: poder que os fornecedores tem de definir o preço de matérias-primas.
Fontes consultadas:

PEREIRA, Maurício Fernandes. Planejamento estratégico: teorias, modelos e processos. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

TELLES, Renato. B2B marketing empresarial. São Paulo: Livraria Saraiva, 2003.

WRIGHT, Peter; KROLL, Mark J.; PARNELL, John. Administração estratégica: conceitos. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2000.

Ebook Renda Extra Online

Ebook Renda Extra Online

Aprenda como ter uma renda extra consistente e duradoura pela internet ou até mesmo viver exclusivamente disso

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *